Quantidade de Páginas visitadas

Gincana da Hanseníase

A equipe "Espanta Preconceito" do Colégio Estadual Princesa Izabel participa da 1ª etapa da gincana  "A Hanseníase tem cura. O Preconceito  também". Organizada pelo Núcleo Regional de Educação de Cascavel, pela 10ª Regional de Saúde e Morthan. A primeira etapa da gincana tem início no dia 22 de março às 8 horas e término dia 28 de março às 17 horas e tem por objetivo orientar a comunidade sobre a ncessidade de buscar tratamento para a doença e combater o preconceito.

Maiores informações, visite o site.

http://gincanahanseníase2012.wordpress.com

COMPROVAÇÃO DE DOCUMENTOS - PSS - TRES BARRAS DO PARANÁ
Os candidatos inscritos para os cargos de SERVIÇOS GERAIS, AUXILIAR ADMINISTRATIVO, MERENDEIRA, VIGIA, AUXILIAR OPERACIONAL, deverão comparacer no Colégio Estadual Princesa Izabel - Três Barras do Paraná nos dias 9, 10 e 11 de janeiro de 2012 para análise e comprovação dos documentos, no horário das 8:00 às 11:00 e das 13:30 às 17:00.

VIGIA - 1º ao 7º colocado

MERENDEIRA - 1º ao 7º colocado

AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS DO CAMPO - 1º ao 7º colocado

AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS CIDADE - 1º ao 3º colocado

AUXILIAR OPERACIONAL MASCULINO E FEMININO - 1º ao 5º colocado

TECNICO ADMINISTRATIVO DO CAMPO - 1º ao 10º colocado

TECNICO ADMINISTRATIVO DA CIDADE - 1º ao 3º colocado
CRONOGRAMA DE DISTRIBUIÇÃO
                    

Atenção professores





            Acesse aqui o cronograma de distribuição de aulas

Alunos Visitam a Sanepar
     


             Neste mês de novembro, os alunos da 5ª série B do Colégio Estadual Princesa Izabel acompanhados pela professora Jocemara Citon realizaram uma visita pedagógica à SANEPAR de Três Barras do Paraná, onde observaram as estruturas de captação, tratamento e distribuição de água. Uma das iniciativas mais emergentes constatadas pela turma é o plantio de árvores nativas nas proximidades de captação, onde o segundo relato dos alunos: “o espaço encontra-se praticamente a céu aberto, castigando severamente as nascentes.” Os conteúdos contemplados fazem parte da proposta curricular da disciplina de Ciências, onde os alunos puderam compreender de forma dinâmica e consciente a necessidade de contribuir com a preservação da natureza.



 

Professores de História e Profuncionário realizam viagem de estudos


No dia 20 de novembro de 2010, os professores de história e agentes educacionais do Profuncionário da turma de Secretaria Escolar de Três Barras do Paraná, realizaram visita de estudos ao “ Instituto Casa Gasa”, situado na cidade de Marechal Cândido Rondon- Oeste do Paraná.


A Casa Gasa, hoje Instituto, foi construída pelo imigrante alemão Heribert Hans Joachim Gasa, nascido em 14 de março de 1920 na cidade de Breslau. Em 03 de maio de 1961, doze anos após ter lutado na segunda Guerra Mundial, no exército alemão, Gasa veio para o Brasil, diretamente para a cidade de Marechal Cândido Rondon.


Por volta de 1965 comprou um terreno e começou a construir o que viria a ser uma edificação diferente e ousada para a cidade do Oeste Paranaense. A propriedade foi planejada e decorada por Gasa ao longo de 20 anos. Seus traços arquitetônicos e decoração chamam a atenção, além das passagens secretas e armários falsos distribuídos pela casa, o que reforça a ideia de que esse ambiente pode ter sido um local de refúgio de nazistas que haviam participado do Holocausto, como por exemplo, o médico Josef Menguelle, conhecido pelas experiências monstruosas, utilizando principalmente crianças judias como cobaias.


Em janeiro de 2008, cinco anos após a morte do Senhor Gasa, foi fundado o “Instituto Cultural Casa Gasa com o objetivo principal de disponibilizar espaços e estrutura para o desenvolvimento de atividades voltadas a cultura e ao entretenimento.


Além do projeto arquitetônico da Casa, outros elementos que chamaram a atenção do grupo foram às exposições tecnológicas, observando máquinas fotográficas e filmadoras de diferentes épocas, enquanto registravam o ambiente e os objetos com máquina digital.


A visita foi muito positiva, pois oportunizou aos professores um contato direto com a história, onde puderam manusear objetos antigos e compreender a história por diversos ângulos, o que será repassado para os educandos, enriquecendo a prática pedagógica. Os alunos do Profuncionário puderam compreender os fatos que permearam o desenvolvimento da humanidade, enfatizando as aberrações praticadas pelo regime nazista durante a segunda Guerra Mundial, fazendo uma correlação entre os fatos ocorridos durante o Regime Nazista e a nossa realidade, lembrando que segundo estudos a maior parte das histórias contadas em referência a “ Casa Gasa” não passam de folclore.


Estendendo os estudos, o grupo visitou ainda a Indústria de cerveja “House Bier”, localizada também na cidade de Marechal Cândido Rondon, onde puderam acompanhar o processo de fabricação de cerveja, impressionando-se com a tecnologia e a habilidade humana ali empregada.


A viagem foi organizada pela Professora de História Edilamar Martendal e pela Pedagoga - Tutora do Profuncionário Sônia Ertel e teve o Apoio da Prefeitura Municipal de Três Barras do Paraná.

Teatro de Sombras


No conteúdo de teatro das aulas de arte o professor Tarcísio Oenning instiga os alunos à reflexão por meio da música. Com recortes de minifiguras os alunos elaboram os personagens conforme o tema trabalhado.
Na interpretação da música “Cidadão” de Zé Ramalho o objetivo se volta para além da apresentação teatral, pois trabalha as diferenças sociais, a questão da inclusão e da cidadania.
O resultado é sempre motivador, a participação dos alunos é unânime, mesmo os mais tímidos, por se tratar de teatro de sombras e por não serem expostos diretamente realizam, com empenho as atividades.

Música: Zé Ramalho (Cidadão)
Teatro de Fantoches
Nas aulas de ARTE os alunos da 6ª Série orientados pelo professor Tarcísio Oeninng elaboraram um teatro de fantoches com o título “Pátria e cidadania”. O trabalho foi desenvolvido durante o mês de setembro e teve como objetivo conscientizar os alunos para a participação da hora cívica, trabalhar os valores da cultura Brasileira e desenvolver o papel de sujeito cidadão. Em forma de dinâmica de grupo os alunos construíram pequenos textos e apresentaram oralmente, simbolizando as falas teatrizadas com fantoches e reproduziram para os colegas da turma. A participação dos alunos no decorrer das atividades alusivas ao tema foi unânime e embora o teatro tenha sido de improviso, foi muito produtivo envolvendo todos os alunos.







Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito